XX Enorex: Exército faz balanço das ações sociais e de proteção e segurança em todo o país

XX Enorex: Exército faz balanço das ações sociais e de proteção e segurança em todo o país
XX Enorex: Exército faz balanço das ações sociais e de proteção e segurança em todo o país

 

Dentro do programa do 20º Enorex – Encontro Nacional de Oficiais da Reserva, a  Associação Empresarial de Joinville – ACIJ recebeu associados e militares na reunião desta segunda, quando  o General Altair José Polsin falou sobre as atividades que o Exército Brasileiro está realizando em todo o país.

“São mais de 100 operações por dia, subindo morro no Rio de Janeiro, combatendo tráfico na fronteira com Colômbia etc. Nas situação de não guerra, buscamos garantir os poderes constitucionais e a lei e a ordem”, afirmou o general.

Dentro das atividades do projeto “Mão Amiga”, ele citou o apoio aos carros-pipa, que chegam a 800 municípios, com 3.2 milhões de pessoas atendidas e o apoio de 826 militares.  As águas são extraídas de 483 poços e mananciais, especialmente no nordeste do país.

Na área de operações de engenharia, o Exército trabalha na pavimentação e na proteção às atividades de obras na BR 163, no Pará.  “Também no norte, fazemos a supervisão do programa “Mais médicos” e apoiamos a operação Expedicionários da Saúde. Também apoiamos o Enem e o Projeto Projeto Rondon”, listou Altair Ponsin.

Dentro do projeto “Braço Forte”, destaque para a proteção das fronteiras, com 21 mil homens que cobrem 17 mil km de fronteiras, em 122 cidades, com uma população de 11 milhões de habitantes.

“As Operações Potiguar e São Cristovão foram marcantes e decisivas, durante a paralisação dos caminhoneiros, quando tivemos quase um colapso, com a falta de combustíveis, insumos pra hospitais e outros produtos básicos”, lembrou.

O general Polsin ainda mencionou as operações de patrulhamento e presença, visando garantir as eleições em 427 localidades, e o trabalho de organização dos imigrantes venezuelanos. “Em Roraima, fazemos a recepção, o controle de fronteira e a operação Tucuxi, de garantia da lei e da ordem”.

Para finalizar, destacou os bons resultados que começam a aparecer com a Intervenção Federal no Rio de Janeiro, realizada com o apoio do exército: “Reduziu latrocínio, roubo de rua e roubo de veículos e de carga, entre outros bons indicadores”, concluiu.

Mais noticias 

Compartilhe
Entidade:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *