Selbetti oferece capacitação tecnológica gratuita em Joinville

Selbetti oferece capacitação tecnológica gratuita em Joinville
Selbetti oferece capacitação tecnológica gratuita em Joinville (Foto: Codenation)

Projeto AceleraDev C#, em parceria com a Codenation, irá selecionar 12 participantes

A Codenation, empresa de aceleração e desenvolvimento de carreiras, em parceria com a Selbetti, que oferece soluções de sistema de impressão e gestão de documentos, lançou um novo programa de capacitação tecnológica 100% gratuito: o AceleraDev C#. O curso será presencial em Joinville (SC) e serão oferecidas 12 vagas para estudantes e profissionais que desejam se preparar na linguagem de programação C#. Ao final do processo, os participantes que se destacarem no curso terão chances de contratação pela Selbetti, empresa patrocinadora. Este é a sexta aceleração da Codenation apenas em Joinville e já foram mais de 30 programas realizados, ou em andamento, em todo o país.

A plataforma da Codenation conta com mais de 29 mil pessoas interessadas em capacitação tecnológica, oferecendo a oportunidade de integrar o time de tecnologia das empresas os programas de capacitação. As inscrições desta edição podem ser feitas até o dia 22 de de setembro na página da aceleração. As aulas terão início em 05 de outubro e se estenderão até 08 de dezembro, no DevHub da Codenation, no Carbon Coworking, em Joinville (SC). O demoday, dia em que os projetos desenvolvidos durante a aceleração serão apresentados, acontecerá em 14 de dezembro.

“Estamos focados em entregar a melhor experiência aos nossos clientes, e encontramos na parceria com a Codenation um caminho para acelerar a contratação de novos talentos apaixonados por desafios”, comenta Rafael Leopoldo, Gerente de Marketing e TI da Selbetti, empresa patrocinadora da aceleração.

Por conta do potencial tecnológico da cidade, Joinville foi o primeiro município escolhido para sediar o DevHub da Codenation. A expectativa é que mais dois sejam inaugurados até o fim de 2019, em Florianópolis (SC) e São Paulo (SP). Os espaços serão sede de treinamentos desenvolvidos pela empresa e de atividades abertas à comunidade, promovendo o intercâmbio de conhecimento em tecnologia e otimizando a conexão de profissionais em diversos estágios de carreira entre si e com o mercado.

 

Sobre o curso

A escolha dos participantes começa com o desafio de inscrição na plataforma da Codenation, no qual é necessário atingir bons resultados para passar à próxima fase. Nesse segundo momento, a equipe da startup realiza uma entrevista individual para alinhar expectativas sobre a capacitação e verificar soft skills (habilidades comportamentais). Após essas etapas, doze pessoas serão selecionadas para o treinamento imersivo alinhado à realidade do mercado de trabalho. “A aceleração acontece ao longo de 10 semanas, durante esse tempo os participantes terão a oportunidade de se atualizar profissionalmente, adquirir e melhorar as skills técnicas de acordo com a necessidade do mercado e, consequentemente, conectar-se com a empresa apoiadora”, explica Eduardo Varella CEO da Codenation.

 

Sobre a Selbetti

Há mais de quatro décadas, a Selbetti tem no seu DNA a preocupação em oferecer soluções inovadoras e diferenciadas. A empresa oferece soluções de sistema de impressão e gestão de documentos, e atualmente atende mercados dos mais variados segmentos e empresas de portes distintos. Conta com quase 700 profissionais, o que lhe dá grande capilaridade e alta qualidade no atendimento nacional.

Sobre a Codenation

A Codenation  foi criada em 2017, em Florianópolis (SC), e tem como propósito suprir a demanda de mão de obra especializada na área de tecnologia por meio da capacitação, criando assim um recrutamento sustentável. Por meio de seus programas de aceleração, fundamentados na abordagem Challenge Based Learning (aprendizado baseado em desafios), os desenvolvedores realizam desafios de programação, recebem auxílio de tutores e assistem palestras com convidados que já atuam no mercado gratuitamente. A startup atende tanto estudantes recém saídos da universidade e sem experiência, quanto profissionais que já trabalham no setor e não conseguem chegar aos pólos de tecnologia, além das próprias empresas que estão em busca de novos talentos.

Por: Julia Mallmann – Dialetto

Mais notícias

Educa Mais Brasil

Compartilhe
Entidade:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *