Joinville é contemplada em projeto do Governo Federal para o turismo rural

O roteiro Caminhos de Dona Francisca foi contemplado pelo Ministério do Turismo na 2ª edição do projeto Experiências do Brasil Rural. A seleção incluiu, além de Joinville, outros seis municípios de São Paulo, Ceará e Sergipe. Os municípios receberão durante um ano suporte e apoio técnico do Governo Federal e da Universidade Federal Fluminense para fomentar o desenvolvimento do turismo no campo.

Idealizada pela Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), a Rota Dona Francisca elenca uma série de atrações gastronômicas, turísticas e culturais na subida da serra, em Pirabeiraba. Desta iniciativa foi derivado o roteiro contemplado. A inscrição para participar do processo contou com a parceria da Associação de Turismo Eco Rural de Joinville (Aterj).

De acordo com a Coordenadora de Políticas Públicas da Secult, Maria Conceição Junckes, a seleção é motivo de orgulho e evidencia o trabalho realizado. “Nós nos inscrevemos porque queríamos fortalecer ainda mais o turismo em Joinville. Desde o início da gestão, criamos cinco rotas direcionadas a empresas turísticas que as transformam em roteiros para passear no município. Vamos promover ainda mais a região rural e colocá-la no radar nacional como atrativo turístico”, destaca.

Neste ano, um dos principais critérios do Ministério do Turismo era que os roteiros fossem ligados às cadeias agroalimentares de, pelo menos, um dos produtos: café, cachaça, farinha de mandioca e mel. O roteiro Caminhos de Dona Francisca, de Joinville, contemplou dois: cachaça e mel.

O projeto Experiências do Brasil Rural tem como objetivo fomentar a estruturação de destinos e empreendimentos da agricultura familiar associados ao turismo, a partir da capacitação de empresários e produtores rurais com vistas à oferta de experiências memoráveis aos visitantes. Ao final, os participantes recebem suporte para inserir produtos e serviços no mercado turístico, como em bares, restaurantes, meios de hospedagem e lojas de artesanato.

A capacitação inicia no dia 27 de maio e vai contemplar 30 proprietários rurais da região abrangida pela Rota Dona Francisca. A mediação do encontro, entre o Governo Federal e os produtores, será realizada pela Secult.

Compartilhe
Entidade:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *