Capital dos gaúchos ganha incubadora tecnológica ‘Lab Fecomércio’

Capital dos gaúchos, a cidade de Porto Alegre ganhou recentemente uma incubadora tecnológica, a ‘Lab Fecomércio’.

A iniciativa, como o nome sugere, é da Federação do Comércio de Bens e de Serviços no Estado do Rio Grande do Sul (Fecomércio-RS).

De acordo com a instituição, o empreendimento promoverá a criação de ferramentas digitais e soluções para empresas.

Também disse que o ‘Lab Fecomércio’ ocupará todo o segundo andar da nova sede da entidade, localizada no bairro Anchieta, em Porto Alegre, e oferecerá mentoria, estúdios e espaços colaborativos para aproximar sindicatos empresariais de startups.

 

  • Conheça o Eleve CRM, nossa solução para vendas complexas

 

‘Lab Fecomércio’

Ainda de acordo com a Federação, o projeto tem previsão de entrar em funcionamento a partir de março do ano que vem.

A estrutura física, de cerca de mil metros quadrados, comportará cerca de 250 pessoas e contará com estúdios de live stream, podcast e fotos, salas de webconferência e locais para realização de apresentações.

O empreendimento abrange, também, espaços de convivência e de trabalho compartilhados inspirados no conceito de coworking. As empresas participantes poderão contar com mentoria de docentes do Senac e especialistas em gestão e inovação.

 

Projetos incubados

Conforme a Fecomércio, os projetos a serem incubados serão escolhidos em colaboração com a Faculdade de Tecnologia Senac (Fatec).

A ideia é priorizar empresas de micro e pequeno porte, em modelo startup, que tenham produtos ainda em projeto ou que já estejam prontos, mas precisem de escala.

A instituição espera abrir as condições para a criação de um parque tecnológico dedicado à transformação digital do comércio no Rio Grande do Sul.

 

Porto Alegre

A cidade de Porto Alegre conta com quase 4,5 milhões de habitantes na Região Metropolitana e a incubadora ajuda a colocar a capital na via do crescimento tecnológico, além de propiciar ao Sul do país, um cinturão de startups com os Polos de Curitiba, Santa Catarina, com Joinville, Blumenau e Florianópolis e, agora, a capital do Rio Grande do Sul.

Porto Alegre já tem alguma vocação tecnológica, inclusive, à frente nas possibilidades que o 5G oferecerá ao país.

Isso porque a cidade se antecipou e modernizou a legislação de licenciamento de antenas. Assim, passou a ser considerada uma das capitais mais preparadas para receber a tecnologia 5G.

Conforme a prefeitura, este avanço vai garantir mais tecnologia, inovação e desenvolvimento para cidade.

Para se ter ideia, a desburocratização do processo de licenciamento começou em 2018, com a criação da Lei das Antenas, que permitiu a adoção do modelo de auto licenciamento, com a declaração do responsável técnico.

O prazo de tramitação da licença reduziu de dois anos para apenas um dia, acabando com a demanda represada e permitindo a expansão da estrutura de antenas. Desde 2019, foram emitidas 272 licenças na Capital.

 

Web Summit 2022

Outro fator que coloca Porto Alegre no radar das empresas e dos profissionais de tecnologia diz respeito ao Web Summit 2022, um dos maiores eventos do cenário global de inovação.

A organização do evento está avaliando a capital do Rio Grande do Sul, bem como as cidades de Brasília e Rio de Janeiro.

Recentemente, o governador do Estado esteve na Espanha onde fez lobby para que Porto Alegre sedie o evento. Em partes deu certo, pois ele colocou o município no roteiro de avaliação dos organizadores.

 

[pjtech@portaljoinville.com.br]

Compartilhe
Entidade:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *