canal_cidade

Águas de São Francisco do Sul apresenta projeto Sanear São Chico

Águas de São Francisco do Sul apresenta projeto Sanear São Chico
O projeto está baseado em três eixos de compromissos da concessionária: educação, meio ambiente e saúde (Foto: Divulgação)
A Águas de São Francisco do Sul apresentou ao prefeito Renato Gama Lobo o projeto Sanear São Chico – braço social do programa de Implantação da Rede de Esgoto de São Francisco do Sul, desenvolvido pela concessionária. Com o objetivo de nortear iniciativas ambientais e ações sociais, o Sanear São Chico está baseado em três eixos de compromissos da concessionária: educação, meio ambiente e saúde. 
 
O projeto contempla um conjunto de atividades multidisciplinares que  proporcionarão  à população  mais  experiência,  aprendizado  e qualidade de vida. Durante a apresentação da concessionária, o prefeito sugeriu que o Sanear São Chico seja apresentado à comunidade dentro da programação da Prefeitura nos Bairros, iniciativa da administração municipal. A concessionária terá de 10 a 15 minutos para fazer a apresentação em cada um dos encontros.
 
Para a Águas de São Francisco do Sul, o bom desempenho econômico está atrelado ao compromisso social e respeito ao meio ambiente. “O projeto Sanear São Chico foi desenvolvido com base em uma política de responsabilidade social com foco no  desenvolvimento comunitário local”, detalha Carlos Roma Júnior, presidente da concessionária. 
 
Entre os projetos que serão desenvolvidos está o Saúde Nota 10, que sensibiliza alunos da rede pública de ensino, capacitando-os para serem multiplicadores dentro do ambiente escolar e em sua comunidade; e o Afluentes – programa de integração e aproximação da concessionária com os moradores. Também faz parte a Capacitação Profissional, que objetiva capacitar profissionais para realizarem atividades de ligações do Sistema de Saneamento Residencial e Industrial; e o monitoramento da qualidade de água do Rio Acaraí. 
 
“Todas as nossas ações convergem para uma atuação ética junto aos nossos públicos, incluindo fornecedores, colaboradores e clientes. Dessa forma, pretendemos fazer do Sanear São Chico um programa  que valorize as práticas sustentáveis e colabore com o desenvolvimento econômico e social da cidade”, completa Roma.
 
A obra
 
A implantação do complexo de coleta e tratamento do esgoto sanitário, que inclui a construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) dos Balneários, no Majorca, prevê investimentos de R$ 75 milhões e é uma das obras mais aguardadas de São Francisco do Sul. Quando estiver concluída, a estação vai colocar em operação a rede de coleta que será construída em paralelo. A obra faz parte da primeira etapa do sistema de coleta e tratamento de esgoto, que visa levar mais qualidade de vida e saúde para a cidade.
 
Com a estação, todo o volume de esgoto in natura daquela região que hoje é despejado nos rios e praias – mais de 5 milhões de litros por dia em baixa temporada e mais de 10 milhões durante a alta temporada – terão a destinação e tratamento correto. Outro benefício do sistema será a desobstrução das redes de drenagem que hoje recebe efluentes não tratados e ligações clandestinas de esgoto. A concessionária vai gerar diversos empregos diretos e indiretos com a implantação e tem o compromisso de priorizar a comunidade local.
Por: Joana Gall
Compartilhe
Entidade:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *